Maurícias: Chamarel Falls

16.11.17 Rui Quinta 0 Comments


São quase 100 metros de queda de água, num dos maiores símbolos turísticos da Ilha Maurícia.

Ao contrário da maioria das cascatas vistas em Reunião, nesta na dá para mergulhar, mas é a sua altura e o ambiente selvagem em redor que a torna pitoresca e um dos locais mais visitados das Maurícias. Enquanto lá estive, não pararam de chegar e partir autocarros de grupos de turistas para tirar a fotografia da praxe nos miradouros. Sim, é um bocado cliché.

A Chamarel Falls não é mais do que aquilo patente nas fotos, mas se estão de visita à ilha não vão querer perder. No dia que lá fui a chuva e o nevoeiro dificultavam a condução, mas de um modo geral encontrei as estradas das Maurícias em bom estado (se o trânsito é caótico, é outra conversa).
Como chegar:
Estão no Black River Gorges National Park (Parque Nacional Gargantas do Rio Negro), no Sul da ilha, mas não é fácil chegar ao local utilizando apenas o GPS e o melhor é nem pesquisarem pelas cascatas. Pesquisem antes por “Seven Coloured Earths”, uma formação geológica que tem, dizem, areia de sete cores. Na porta de entrada para as Seven Coloured Earths é preciso pagar e é esse caminho que nos leva até às cascatas de Chamarel.

Um cliché, mas um cliché a não perder!
Acompanhem em:

Booking.com

Também pode gostar de:

0 comentários: