Kotor: esta maravilha de baía!

29.10.18 Rui Quinta 0 Comentários


Kotor é uma pérola! Um local que parece ter sido caprichosamente feito, primeiro pela natureza, depois pelo homem.

Há uma baía, uma fantástica baía repleta de pitorescas pequenas cidades ao redor das quais se erguem íngremes montanhas com várias centenas de metros, alguns pontos inclusive a cima dos 1000 metros de altitude. E numa das extremidades dessa baía, na extremidade mais distante do mar Adriático, aí está Kotor, Património Mundial da UNESCO.

E sua beleza vê-se quando caminhando junto às margens, vê-se dentro das muralhas da Stari Grad mas ainda melhor no topo da fortaleza, no Castelo de São João, como na fotografia inicial, onde vi o nascer do meu último dia.
Muitos pensam que é um sacrifício acordar às 5h00 da manhã para subir centenas de degraus*, mas o sacrifício daqueles primeiros minutos até sair da cama são claramente recompensados quando chego ao topo antes de qualquer outra pessoa e tenho a melhor vista da cidade só para mim.


O que visitar e fazer em Kotor
Kotor parece-me imperdível para quem estiver a fazer uma viagem pelos Balcãs (de carro ou transportes público) mas também um excelente local para passar uma semana mais relaxada, pela beleza do Centro Histórico e das praias, pequenas mas ainda assim bem maiores do que encontrei na Croácia, pela fantástica oferta que tem ao seu redor, pela oportunidade de maravilhar-se com as pequenas cidades de Perast, Herceg Novi ou Tivat.

Mas além da famosa subida ao Castelo de São João, que é de facto imperdível, para quem gosta de caminhadas ou para quem quer uma vista diferente sobre a cidade de Kotor, recomendo a subida à montanha oposta, que leva até ao forte de Vrmac, a qual fiz ao final do dia, para ver os últimos raios do sol que se escondia atrás desta montanha iluminarem Kotor à minha frente.

Por fim, não tive a oportunidade de o fazer, mas com as visitas guiadas organizadas por alguma agência, hotel ou hostel, é ainda possível ir ao Parque Nacional de Lovcen, outro dos destaques de Montenegro.

Visitar Kotor é realmente algo de extraordinário!

Nota:
* Relativamente ao Forte de Kotor, é muitas vezes referido que tem 1355 degraus mas poucas vezes se diz que há dois caminhos para o topo (pode dizer-se que “um de cada lado”) conforme é percetível nalgumas fotografias. Assim sendo, não são necessários subir os 1355 degraus. Creio que essa é a quantidade total de degraus do forte, ou seja, para quem quiser subir por Sul e descer por Norte ou vice-versa.
Se alguém quiser contar de cada lado, que me diga depois :)


Booking.com

Também pode gostar de:

0 comentários: