Bérgamo: das melhores vistas que já encontrei

29.4.19 Rui Quinta 0 Comentários


Bérgamo é muito mais que uma cidade de partida ou chegada pelo seu aeroporto.

Talvez Bérgamo apenas surja nos planos de viagem na maioria das vezes devido ao Aeroporto Internacional de Il Caravaggio, situado às portas desta cidade e utilizado como aeroporto secundário para Milão, sobretudo pelas companhias low cost. Mas Bérgamo tem os seus encantos, principalmente na Città Alta.

Se em Verona tinha sentido o charme que apenas as cidades pequenas têm, em Bérgamo ainda mais, e com os termómetros a marcaram 0º pela manhã e ao cair da noite, para recordar que estava às portas dos Alpes.

A cidade de Bérgamo está dividida em duas. Por ordem de chegada, primeiro está a Città Bassa (Cidade Baixa), o centro moderno, onde chegam os autocarros e comboios, uma cidade com os seus encantos e que vai crescendo. E depois está a esplêndida Città Alta (Cidade Alta), o centro histórico fortificado, listado como Património da Humanidade pela UNESCO juntamente a outras fortificações Venezianas, das quais já tinha visitado as de Kotor e Zadar. E é dentro dessa Città Alta que estão os principais atrativos (e não são poucos) de Bérgamo.

Dois trajetos de funiculares ajudam nas subidas. Um primeiro ajuda a subir da Cidade Baixa para a Cidade Alta e um segundo, a Oeste da Cidade Alta, pode leva-los até ao Castello di San Vigilio. São ajudas para quem quiser utiliza-las ou precise de o fazer, mas podendo faze-lo, recomendo que subam a pé, até porque não são tão longas ou duras como noutros casos em que os funiculares são quase indispensáveis para a maioria das pessoas.

De uma forma ou de outra, o importante é não deixar de ir até junto do Castello di San Vigilio. Daí, aproveitando o relevo da região, encontrei a melhor vista para Bérgamo e uma das melhores vistas que já alguma vez encontrei. Um regalo para os olhos e para a alma ver o terminar de mais um dia num lugar como este.

O que visitar em Bérgamo
Os principais símbolos de Bérgamo são o Duomo di Bergamo (Catedral) e a Basilica di Santa Maria Maggiore, ambas com entrada através da Piazza Duomo, e atravessando uma arcada que une a Campanone, a torre do relógio, com o Palazzo della Ragione, estamos na Piazza Vecchia (Praça Velha), o centro da Città Alta. Tudo muito próximo.

Porém, apesar da proximidade entre os locais mais famosos da Città Alta (e de Bérgamo), desafio-vos a darem uma volta pela cidade muralhada, com início na Porta San Giacomo, e a perderem-se no seu interior. Certamente encontrarão muitos recantos que justifiquem essa caminhada.

E na Città Bassa convido-vos a passarem pela Piazza Pontida, Largo Nicolò Rezzara e daí percorrer os caminhos que levam até à Chiesa dei Santi Bartolomeo e Stefano, onde também não faltam locais para tomar o vosso pequeno-almoço ou aperitivo, conforme a hora a que por lá passem.


Booking.com

Também pode gostar de:

0 comentários: